Blog

Preparação Psicológica no Esporte: um passo decisivo para uma vitória

Posted by:

É muito comum um atleta estar no auge da sua capacidade física, ter domínio das partes técnicas e táticas da modalidade que pratica e perder uma partida no momento mais decisivo de um campeonato. O que faltou para ele vencer?
Neste caso, a falta de uma preparação psicológica adequada foi crucial para ele não atingir o objetivo final. Sendo o cérebro o “gerente” das nossas ações, o fato dele não estar “treinado” para lidar com a pressão interna e externa gerada pela competição, e para controlar ansiedade, raiva, medo, frustração e outros sentimentos, certamente o rendimento do atleta cairá e todo um trabalho pode ser jogado fora por falta de um treinamento psicológico.
Ainda visto com preconceito no mundo esportivo, a presença de um Psicólogo Esportivo numa comissão técnica é de extrema importância, tendo a função de detectar como o(s) atleta(s) reage(m) diante de uma situação desafiadora e trabalhar, em conjunto com os demais membros da comissão técnica, na melhoria dos pontos fracos e aperfeiçoamento dos pontos fortes do(s) atleta(s).
Pela falta de instrução da maioria dos atletas no Brasil, a presença dos Psicólogos Esportivos se faz ainda mais importante nas categorias de base das modalidades esportivas para os futuros campeões terem, em longo prazo, o equilíbrio emocional durante uma competição. Da mesma forma que um fundamento de uma modalidade torna-se ótimo quando são ensinados e aprimorados desde as categorias de base, a preparação psicológica também é bem sucedida quando trabalhada desde o início da vida esportiva.

Tenho certeza que, se tivéssemos psicólogos presentes em comissões técnicas de todas as modalidades esportivas e em todas as categorias destas, o Brasil seria uma potência olímpica há muito tempo e o desempenho em 2016 poderia ser bem melhor.
0


Add a Comment